Campanha em defesa do Cerrado é lançada em São Paulo

A Campanha Em Defesa do Cerrado, bioma brasileiro que vem sofrendo diversos impactos e já foi 52% destruído, será lançada na próxima sexta-feira, 21.10, às 19h30 na Câmara Municipal de São Paulo. O lançamento será parte do evento da Agenda Latino-Americana 2017, que tem como tema “Ecologia integral: reconverter tudo”.

A Campanha Nacional em Defesa do Cerrado – que tem como tema ”Cerrado, Berço das Águas: Sem Cerrado, Sem Água, Sem Vida”, busca alertar a sociedade e denunciar a destruição do bioma Cerrado e as violências contra os povos e comunidades que vivem nesse espaço. A Campanha é promovida por 36 organizações, movimentos sociais e entidades religiosas, como a CNBB. Leia Mais…

MPF apresenta sugestões ao substitutivo do projeto de lei que regulamenta o licenciamento ambiental

O texto destaca, entre outras preocupações, a necessidade de diálogo com a sociedade civil para buscar novas percepções e opiniões sobre o assunto

O Ministério Público Federal (MPF) entregou nesta quinta-feira, 6 de outubro, ao Ministério do Meio Ambiente, nota técnica com sugestões de modificações, supressões e inclusão de textos ao substitutivo apresentado pelo Executivo ao Projeto de Lei 3729/04, que institui a Lei Geral do Licenciamento Ambiental. A análise foi feita por membros do Grupo de Trabalho Grandes Empreendimentos, das Câmaras do MPF de Meio Ambiente e Patrimônio Cultural, Populações Indígenas e Comunidades Tradicionais e Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão. Leia Mais…

Campanha em Defesa do Cerrado será lançada nesta terça-feira, 27

A Campanha Nacional em Defesa do Cerrado, que tem como tema “Cerrado, Berço das Águas: Sem Cerrado, Sem Água, Sem Vida”, será lançada durante coletiva de imprensa, às 14 horas desta terça-feira, dia 27, na sede da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em Brasília. Após coletiva, os/as participantes promoverão um debate sobre o Cerrado.

Por CPT

“A Campanha, que já conta com a participação de 36 organizações, é fundamental para que todos conheçam o patrimônio histórico, cultural e biológico do Cerrado – seus povos, sua biodiversidade, e sua importância para a vida na terra –, já que sem Cerrado não há água e nem vida”, destaca Isolete Wichinieski, da Comissão Pastoral da Terra (CPT) – uma das entidades que faz parte da Campanha. Leia Mais…

Dezoito políticos têm 50 mil cabeças de gado no Arco do Desmatamento

amazonia-danielbelraUm entre cada quatro candidatos nos municípios que mais desmatam é pecuarista; setor tem sido o principal responsável, nas últimas décadas, pelo desmatamento na Amazônia; conheça alguns “reis do gado” na região

Nos 52 municípios que mais desmatam no Brasil, os pecuaristas são os principais candidatos à prefeitura. Entre os 308 postulantes aos cargos de prefeito e vice-prefeito, nada menos que 68 são produtores de gado – na região onde a pecuária é a principal vilã da destruição da Amazônia. Entre eles, há um grupo seleto de 18 candidatos que possuem 50 mil cabeças de gado. Eles as declararam por R$ 55 milhões. A maioria deles tenta ser prefeito. Sete são do PMDB. Vejamos: Leia Mais…

Comissão debate revisão do Zoneamento Socioeconômico Ecológico de MT

Zoneamento

 

Membros da Comissão Estadual do Zoneamento Socioeconômico Ecológico (CEZSEE) se reuniram para avaliar a proposta de revisão do ZSSE em Mato Grosso. O encontro ocorreu na tarde desta quinta-feira (01.09), no Palácio Paiaguás, e marcou a retomada do projeto no estado, após quase cinco anos desde a suspensão dos efeitos da Lei n° 9.523/2011. Leia Mais…

Livres de impostos, agrotóxicos seguem causando câncer, malformações e mortes

Em audiência pública, especialistas apontam perigos de agroquímicos permitidos no Braisl e já banidos em outros países

 

Apesar dos números cada vez maiores de casos de câncer em regiões rurais e urbanas próximas a áreas agrícolas com larga utilização de agrotóxicos, inclusive entre crianças, o país que mantém políticas de incentivo aos agroquímicos com isenção de impostos e leis frouxas ainda inova ao permitir a pulverização aérea de venenos.  Leia Mais…

Justiça suspende licenças ambientais do Complexo Germano da Samarco

O juiz Michel Curi e Silva, que atua em substituição na 2ª Vara da Fazenda Pública e Autarquias da Comarca de Belo Horizonte, determinou, liminarmente, a suspensão temporária de todas as licenças ambientais do Complexo Germano, da empresa Samarco, até nova decisão do Poder Judiciário. O pedido foi feito pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG). A barragem do Fundão, que se rompeu em novembro de 2015, integra o complexo que teve as licenças suspensas. Leia Mais…

Juventude e agroecologia: é a luta todo dia

AGROECOLOGIA
Estes jovens querem autonomia, independência e mais políticas públicas que fortaleçam as suas ações na produção de alimentos saudáveis.

Areia (PB) – Esse é um dos 14 municípios que campo e o Polo da Borborema, que nesse ano está completando 20 anos de organização social, sindical, incentivando a convivência com o semiárido, a agroecologia e, agora, organizando a juventude do campo. Na década de 1980 os nordestinos ficaram conhecidos no Brasil pela paisagem tétrica do semiárido, com gente morrendo de fome e fugindo em busca de emprego no sudeste e sul do país.
Leia Mais…

Transgênicos: mais uma trapaça

MILHOMídia deu, em todo o mundo, vasta repercussão a relatório norte-americano que atesta suposta “segurança” dos OGMs. Mas agora sabe-se quem financiou o estudo…

Por Nadia Prupis | Tradução: Gilberto Schittini

Cresce o ceticismo público sobre um novo relatório que afirma ser seguro o consumo dos organismos geneticamente modificados (OGMs). A desconfiança cresce à medida em que vêm à tona informações de que a organização que produziu o relatório tem relações com a indústria de biotecnologia.  Leia Mais…